Página não oficial do Concelho de Castanheira de Pera
Terça-feira, 28 de Agosto de 2007
ENTREVISTA DE PAULO CORREIA GERA REAÇÕES - Joaquim Bebiano Henriques Responde a Paulo Correia

Após a entrevista dada ao nosso Jornal pelo anterior Presidente do Sport Castanheira de Pera e Benfica, Sr. Paulo Correia; geraram-se algumas reacções.

De entre essas reacções, salientamos a entrevista, que em geito de resposta; nos foi concedida pelo Sr. Joaquim Bebiano Henriques, que se sentiu lesado na sua honra pessoal, procurando-nos para que pudesse responder ao que, a seu ver, estava errado na entrevista dada pelo Sr. Paulo Correia.

Expresso do Centro: - Como deseja começar?

Joaquim Bebiano Henriques: - Primeiro desejo informar os sócios do Sport Castanheira de Pera e Benfica, e os Castanheirenses em geral, de que há muitas mentiras nesta entrevista dada pelo Sr. Presidente da Direcção, Sr. Paulo Correia.

E.C. - Refere-se a que assunto especificamente?

J.B.H. - Este Senhor, anterior Presidente da Direcção, ataca-me dizendo que tem pena de haver uma pessoa que quer ser sempre o tesoureiro do Sport, referindo-se à minha pessoa e que recebia 550 euros por mês quando estive na ultima vez na Direcção.

Deixe-me esclarecer os sócios e a população de Castanheira de Pera e todos em geral de que: - 1.º - Sobre o que eu recebia nessa altura do Sport, o Sr. Presidente, deveria ter mais dignidade ao falar sobre este assunto. Deveria informar os sócios porque recebia eu uma certa importância e o que fazia para que houvesse esse pagamento.

E.C. - Pode esclarecer melhor então essa situação?

J.B.H. - Eu, recebia do Sport Castanheira de Pêra e Benfica 70 euros por mês, pois estava requisitado ao Fundo de Desemprego para o trabalho da Secretaria do Sport. Isto era equivalente ao subsídio de refeição. Recebia ainda pela abertura diária do Bar e pela  limpeza e lavagem da Sede, 180 euros mensais. O que perfazia 250 euros... Tal importância tinha sido deliberada pela totalidade da Direcção e está contabilizada na escrita do Sport.

E.C. – Mas sendo assim, como explica os 550 euros?

J.B.H. - Para os 550 euros ainda faltam 300 euros. Não sei se o Sr. Presidente está a referir-se ás lavagens dos equipamentos mensais, das duas equipas de futebol, que alguém lavava por esses trezentos euros... É razão de perguntar se o senhor presidente o faria mais barato?

E.C. – Quanto ao seu percurso no Sport...foi sempre Tesoureiro?

J.B.H. - Agora que o problema dos 550 euros estão esclarecidos, deixe-me esclarecer a minha passagem pelo Sport Castanheira de Pera e Benfica. Não. Não fui sempre Tesoureiro. Quando o fui, era porque tinha sido sempre escolhido pelos Presidentes para tal cargo.

Comecei no ano de 1968, fazendo parte integrante da Comissão que reabriu o Sport, depois de estar fechado durante cinco ou seis anos, sendo ao mesmo tempo atleta.

De 1970 até 1972 fiz parte do Conselho Fiscal do Sport.

Em 1976, fiz parte da Direcção do Sr. Manuel Simões como secretário da Direcção. A partir de 1982 fui Tesoureiro das Direcções dos Senhores Presidentes: José Arménio Curado Simões, Manuel Rodrigues Alves (Martex) por duas vezes), Francisco Saraiva Isento, Elias Manuel Correia Simões, Manuel Antunes, Paulo Manuel Tavares Correia, José Maria Alves da Silva, Fernando Manuel Costa Fernandes, (dois anos consecutivos), pela altura das altura das obras da Sede, e por ultimo com o Sr. Emanuel Carlos Almeida Joaquim.

E.C. – Então, de facto a maioria das vezes assumiu sempre o cargo de Tesoureiro? ...

J.B.H. – É verdade. Mas para além desses cargos fui treinador sem ganhar qualquer cêntimo, por diversas vezes, das camadas Jovens e Seniores.

Fui eu, juntamente com o Senhor Fernando Manuel da Costa Fernandes, os impulsionadores e as pessoas que estiveram à frente da reconstrução da Sede do Sport.

Como pode ver, não fui só Tesoureiro no Sport.

E.C. – Nas alturas em que assumiu os cargos na Direcção, alguma vez impôs condições?

J.B.H. – Se alguma vez impus alguma condição a algum Presidente para ser o Tesoureiro do Clube? (sorri) É perguntar ao Sr. Paulo Correia se fui eu que o escolhi para Presidente ou ele me escolheu para Tesoureiro da Direcção dele?... Sabe? É um lugar trabalhoso e comigo sempre houve contas em dia, com balancetes mensais expostos para que todos os sócios estivessem a par da situação financeira do Sport!

Será que todas estas pessoas que me escolheram para tal cargo não me conheciam ou eram parvas? Acho que de parvo só há um que me escolheu... mas esse já todos conhecem quem é.

Sobre este assunto de eu ser ou não ser o tesoureiro, desejo informar todos os sócios de que, após as Direcções de que eu fiz parte, entraram outras e que não tiveram problemas com dividas, com falta de atletas, com falta de mercadorias para o bar poder trabalhar, com a Sede aberta aos sócios, etc. etc. ...  mas sim: - O Sr. Paulo, quase sempre quando saía do Sport após as suas Direcções, tem deixado muitas mazelas, com excepção da vez que foi Presidente comigo como Tesoureiro, e essa foi da sua 2.ª vez.

E.C. – Quer dizer que...

J.B.H. – Que da 1.ª vez que foi Presidente, deixou uma divida para a direcção seguinte de cerca se 700 contos. Na altura ainda era em escudos, pois foi em 1995. Esta divida teve que ser paga por mim e pelos meus colegas de Direcção em 1998, fazendo o pagamento respectivo ao Tribunal de Figueiró dos Vinhos. Refiro-me à falta de pagamento de uma operação feita ao atleta José António, filho do nosso amigo, já falecido infelizmente e, muitas vezes Director deste Clube; o Sr. Almerindo Mendes Jorge; divida essa ao Hospital dos Covões. E isto porque a Direcção que o Sr. Paulo Correia presidia, não fez a participação ao seguro na devida altura e teria que pagar após a operação e receber depois do seguro. Com a falta de pagamento ao Hospital dos Covões, este por sua vez mandou fazer uma penhora ao S.C.P.B., e assim, nesta altura e por causa desta divida estava a carrinha Renault apreendida pelo Tribunal.

Trabalho maravilhoso do Sr. Presidente, que deixou a divida e a carrinha apreendida!

A 2.ª vez a passar pelo Sport como Presidente, não houve problemas de maior, pois foi comigo, embora não deixa-se de mandar embora o Treinador que era o Sr. José Alberto,  “o Inglês”; depois de uns desaguisados no Vermoil, em que quase chegando a vias de facto se trataram muito mal mutuamente. Após isto o Sr. Presidente da Direcção colocou a situação à Direcção com a condição de que pediria a demissão se o “Inglês” não fosse expulso, a que acabou por acontecer.

A  3.ª vez é esta. Com muitos problemas.

E.C. – Problemas que todos conhecemos.

J.B.H. – Talvez. Vejamos: - Deixou de fazer a escrita na Helgest – Fig. dos Vinhos, onde já se fazia desde 1989, altura que o Sport passou a ter escrita organizada. Há cinco anos para cá deixou de ser lá feita, pois a direcção do Sr. Paulo, em 2003, mudou de contabilista. Pagava-se o mínimo imposto por lei. A mudança não foi para ser feita na Castanheira. Continuou a ser feita em Figueiró, mas por outra pessoa. Por isso pergunto, Porquê? ….

E.C. – Quanto ás Equipas?

J.B.H. – Esse é outro ponto. O Clube não passou em 2002 de 2 para 5 Equipas! Em 2002 no Sport já tinha 4 equipas. A de Futebol Sénior com cerca de 30 atletas e tinha também a equipa de juvenis com cerca de 25 atletas, isto em Futebol. Havia ainda a secção de Andebol Sénior com cerca de 18 atletas e a de iniciados com cerca de vinte atletas Que com esta categoria fomos Campeões Distritais de Leiria e que por acaso a Direcção seguinte que foi a do Sr. Paulo Correia, dispensou, acabando com ela, tendo os miúdos e o seu treinador de ir para a Desportiva de Figueiró dos Vinhos, onde chegaram até aos Campeonatos Nacionais. Azares!... ... E agora diz que acredita no Andebol, para o Sport e pouco mais, depois de acabarem com ele.

E.C. –Falava-se há pouco sobre os atletas...

J.B.H. – Sim! Diz-se nessa entrevista que o Sport tem que ir levar e trazer os atletas a casa. Mas isto só foi possível até agora, porque em 2002 a Direcção que saiu deixou duas carrinhas de nove lugares cada uma, a andarem: - uma Renault Trafic e outra a Toyota! Agora já não há nada... A Renault já não anda. Está avariada há mais 3 ou 4 meses. A Toyota, que foi comprada em segunda mão ao Sr. Virgílio Calado, andou até que foi vendida para Angola.

Agora os atletas do Coentral, do Soeiro da Feteira, Moita ou Sarzedas terão que vir a pé.

Na altura das suas candidaturas diziam que iam comprar uma carrinha nova de nove lugares. Será que ainda não saiu o modelo perfeito, ou será que ainda não nasceu o Engenheiro para a desenhar?

E.C. – Fala-se também nessa entrevista de acusações de dividas ao fisco...

J.B.H. – Não sei do que falam, nem sei se as têm! O que sei é aquilo que verifiquei e interroguei na Assembleia Geral a Direcção sobre um pagamento de Impostos, cuja importância de 1.714,53 €, que vem no Relatório e contas da Gerência de 2004 para aprovação, e que de tal importância há duas coisas a apontar:

- 1.º - O Sport não paga impostos por ser uma Colectividade de Utilidade Publica.

- 2.º - Tendo ido à Secção de Finanças de Castanheira de Pera, saber se era verdade, fui informado pelo funcionário das Finanças de que não havia lá qualquer pagamento referente a esta importância. A quem foi pago este imposto? Haverá mais alguma instituição a cobrar impostos no nosso País? Não sei.

E.C. – E sobre a “Direcção estar farta de aldrabices, e que quando pedem provas do que dizem, nunca as têm?”

J.B.H. – Bom.. Passo a demonstrar e a provar o contrário: - Fiz a pergunta à Direcção do Sport, na devida altura sobre uma importância que tinha recebido de subsídios da Câmara Municipal da época Agosto 02/Set.03. Ao analisar o Relatório de Gerência na aprovação de contas, a importância recebida era de 32.422,00 €, mas que segundo uma certidão que eu tenho em meu poder da Câmara Municipal, e que apresentei na devida Assembleia Geral, certificava o pagamento ao Sport da importância de 34.939,95 € nestas mesmas datas.

Agora Pergunto eu:

- Quem mente?

- A Câmara Municipal ou a Direcção do Sport, presidida pelo Sr. Paulo Correia?

A diferença é de 2.517,95 €. Que se passa com isto?

E.C. – E sobre o afastamento dos Sócios do Sport?

J.B.H. – O Sr. Presidente tem o descaramento de dizer na sua entrevista que “não sei explicar. Talvez a maledicência de determinado sócio o explique”.

Afinal quem será esse determinado sócio que terá uma força assim tão grande para retirar os sócios e os atletas da Sede do Sport? Ou será que o Sr. Paulo Correia mudou a Sede do Sport para não sei onde?... Até os atletas lanchavam no fim de todos os jogos na Sede Nova. Já no meu tempo da Direcção, anterior, em 2001/2002, havia alguém que ia ao Sport chamar os sócios que lá estavam para irem beber um copo a outro lado…Interesses...

E nessa altura o bar tinha uma existência de cerca 3.000 €, agora não tem praticamente nenhuma existência. Só espero que na existência da escrita também não haja existência. Assim, com o bar sem existência e fechada a Sede ,será preciso afastar os sócios...

E.C. – Já agora, o que pode dizer-me sobre o tal “movimento de sócios que anda muito enganado a ouvir comentários do profeta da Desgraça”?

J.B.H. – Ora vejamos o que o Sr. Presidente quer dizer: - Há um movimento de sócios? Ainda bem! - Por outro lado andam enganados. Quem os engana? - Profetas? Já há anos que dizem que vão comprar carrinhas novas. Que vão subir de divisão e colocar a Castanheira no lugar que merece, etc. etc. etc. ... - Desgraça? AH! Sim. Ao ponto que o Sport Castanheira de Pêra e Benfica chegou novamente e que esta Direcção o levou: - Casa fechada, não tem quase nenhum atleta, poucos sócios pagam cotas, porque dizem “com estes não”! Ninguém quer ser Director do Sport, porque o estado em que o Sport se encontra é muito mau. Isto sim, é desgraça.

E.C. – O Sr. Joaquim quer dizer ainda mais alguma coisa?

J.B.H. – Para terminar, deixe-me só fazer o resumo desta Direcção, entre Agosto de 2002 a Agosto de 2007:

- O Sport tem uma equipa de Futsal Feminina. Ainda bem; apoio!   

- O Sport tem equipa de Escolinhas. Ainda bem; apoio!

- O Sport em 2002 tinha Andebol de iniciados sendo campeões distritais, agora já não tem, mas chegaram aos Nacional de Portugal pela Desportiva de Fig. dos Vinhos.

- O Sport tinha Andebol sénior, agora já não tem.

- O Sport tinha uma equipa de Futebol com cerca de vinte jogadores da terra. Muito razoável. Moços novos, que ficava entre as seis melhores equipas. Dessa equipa tem dois atletas...

- O Sport tinha uma equipa de 20 jogadores que começaram em 2000 como iniciados, foram em juniores os terceiros classificados no Distritais. Já não tem nenhum.

- A Direcção do Sport dispensou os atletas da Castanheira, para ter jogadores do Brasil, de Cabo Verde, da Sertã, da Pampilhosa; de Figueiró dos Vinhos, de Penela, e nem sei se de mais algum lado. Uma “selecção de estrelas”! Mas estes ficaram este ano quase em ultimo lugar e eram para subir de divisão como foi dito por alguém.

- A direcção do Sport mandou forrar o Sótão do Sede, porque o material já lá estava comprado e pago, mas acho que caiu tudo. Boa...

- O Sport tinha 2 carrinhas, como já disse anteriormente; já não tem nenhuma.

- A existência do bar do Sport era cerca de 3.000 €, agora é zero ou quase zero.

- A Sede abria todos os dias, agora esta fechada todos os dias.

==========================

Deixámos o Sr. Joaquim Bebiano Henriques cientes de que este assunto ainda fará correr muita tinta. Seja aqui no “Expresso do Centro”, seja noutro qualquer lugar.

Aos entrevistados o nosso agradecimento.

Entrevista conduzida por:

Filipe Lopo

filipelopo@sapo.pt

 



publicado por Filipe Lopo às 14:43
link do post | favorito

mais sobre mim
pesquisar
 
Janeiro 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30
31


posts recentes

Novo endereço - http://ca...

AS SUAS NOTICIAS - O NOSS...

25 de ABRIL de 1974 - 36º...

OS PERIGOS DA INTERNET

VIOLÊNCIA EM DEBATE

CASTANHEIRA DE PERA RECEB...

CARTA DE UMA MÃE PARA OUT...

CORO DE SANTO AMARO DE OE...

TOMADA DE POSSE DOS ELEIT...

DISCURSO DO PRESIDENTE DA...

TOMADA DE POSSE DOS ELEME...

HOJE ESTOU DANADO

ACTO ELEITORAL NA FREGUES...

FUTEBOL DE RUA – ÉPOCA 20...

APANHA DE SEMENTES – PROJ...

GNR de Pombal apreendeu m...

CANYONING - Ribeira de Qu...

“DEUS ABENÇÕE OS PAIS MAU...

RESULTADOS DAS ELEIÇÕES A...

DISTRIBUIÇÃO DE MANDATOS ...

ELEIÇÕES AUTÁRQUICAS 200...

EXPOSIÇÂO NA CASA DO TEMP...

Há Festa em Castanheira d...

ELEIÇÕES AUTÁRQUICAS EM C...

PARTIDO SOCIAL DEMOCRATA ...

PARTIDO SOCIALISTA - CAND...

"PAISAGENS" EXPOSIÇÃO FOT...

EXPOSIÇÃO DE MOTORIZADAS ...

Iº Torneio de Vólei Praia...

DUAS LUAS A 27 DE AGOSTO ...

DIA MUNDIAL DA FOTOGRAFIA

DIA INTERNACIONAL DA JUVE...

Dia 15 de Agosto a RTP ch...

PSD candidata presidente ...

CASTANHEIRA DE PERA - PS ...

04 de Julho de 2009 - Dis...

04 de Julho de 2009 - Dis...

Festa do Livro volta à Pr...

COMEÇOU A CAMPANHA ELEITO...

JS não integra lista do P...

ULTIMA HORA - MINISTÉRIO ...

PEDIDO DE DESCULPA

CANDIDATO À AUTARQUIA CAS...

95º ANIVERSÁRIO DE CASTAN...

APRESENTAÇÃO DE 70 NOVAS ...

PASSEIO PEDESTRE, ESCONHA...

Stº ANTÓNIO DA NEVE - C...

Memórias do Antigamente l...

XII FESTIVAL DE FOLCLORE ...

TRIANGULACOES de JOSÉ POR...

arquivos

Janeiro 2011

Abril 2010

Dezembro 2009

Outubro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Setembro 2007

Agosto 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Março 2006

tags

todas as tags

links
Paralaxe

blogs SAPO